Centro de Medicina e Pesquisa de Animais Silvestres

De wiki.ufmt
Ir para: navegação, pesquisa


O Centro de Medicina e Pesquisa em Animais Silvestres (CEMPAS) foi criado a partir da extinção do Zoológico da UFMT, estando vinculado à Faculdade de Medicina Veterinária (FAVET). Tem como finalidades receber, identificar, marcar, triar, avaliar, recuperar e reabilitar animais silvestres oriundos de apreensões por fiscalização e resgate realizadas pelos órgãos ambientais ou entrega voluntária de munícipes. O CEMPAS deve assegurar a guarda e o bem-estar dos animais silvestres mantidos sob sua responsabilidade durante período de tratamento, recuperação e reabilitação, propiciando aos animais condições de tratamento com espaço físico, alimentação, atendimento veterinário e acompanhamento biológico adequados e orientando tecnicamente o melhor destino possível para os animais aptos à liberação.

Possuindo uma área de 11 hectares, as atividades desenvolvidas possuem coordenação, equipe de estagiários, voluntários, biólogos e médicos veterinários. Abriga aproximadamente 1000 espécimes animais da fauna regional, que incluem répteis, aves e mamíferos dos três ecossistemas regionais: Amazônia, Cerrado e Pantanal. Atualmente é a única referência no Estado, para a guarda de animais que são apreendidos pelos órgãos fiscalizadores, como a Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEMA), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (IBAMA), Polícia Florestal, e Juizado Volante Ambiental (JUVAM).


Fonte: Projeto Pedagógico do Curso de Graduação em Medicina Veterinária, Campus Cuiabá, 2018, p. 67.

Contato

  • Telefone: (65) 3615-8007.
Ferramentas pessoais
Espaços nominais

Variantes
Ações
Navegação
Ferramentas